Começa a valer a validação da URL do QR code do CT-E e MDF-E

Desde a última segunda-feira (07) todas as transportadoras devem validar um QR Code quando forem emitir CT-e e MDF-e.

Segundo a Secretaria da Fazenda e Planejamento dos Estados (SEFAZ) as empresas que não cumpram essa exigência não vão conseguir emitir os documentos.

A rejeição 480 identifica casos em que o QR code do MDF-e não for informado. Por esta razão é importante se adaptar a esta nova exigência, afinal não existe exceções.

Lembrando que, a falta desta autenticação virtual impossibilita o trânsito da mercadoria.

Vale ressaltar que, cada SEFAZ possui um endereço específico que será verificado na informação do QR Code no CT-e.

CT-e MDF-e

CT-e e MDF-e 

O Conhecimento de Transporte Eletrônico é um documento eletrônico usado para comprovar e documentar a prestação de serviços de transporte.

O mesmo deve ser utilizado em qualquer modal de transporte de cargas, seja ele rodoviário, aéreo, ferroviário, aquaviário ou dutoviário.

Em relação a sua validade jurídica, ela se dá pela assinatura digital do emitente.

Ressaltando que, o documento é válido em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal.

Já o MDF-e é um documento exigido pela SEFAZ para registrar todas as operações de transporte.

Tanto as realizadas por transportadoras de cargas de terceiros com o vínculo de CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), como por empresas que transportam mercadorias próprias com o vínculo NF-e (Nota Fiscal Eletrônica).

O objetivo do MDF-e é facilitar a fiscalização, trazendo um resumo da operação de transporte.

 TMS

Para que a emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico seja feito de forma automática e segura, o indicado é usar um TMS (Sistema de Gerenciamento de Transporte) da Gestran.

A integração permite que as informações presentes no CTe, MDFe ou NFSe sejam aproveitadas por outros módulos da ferramenta principal, assim como faturar automaticamente os documentos fiscais.

Ressaltando que, o TMS da Gestran está apto para gerar dados com essa nova obrigatoriedade.

Para saber como o sistema TMS pode contribuir com a sua empresa, solicite uma demonstração gratuita do sistema.

Clique aqui se deseja saber mais sobre o TMS da Gestran

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação de
0 Compart.
Compartilhar
Compartilhar